Arqueologia de uma Distinção: o Público e o Privado na Experiência Histórica do Direito