Sobre menina e escritores

Em 2005, o anglo-indiano Salman Rushdie (autor do livro “O Chão Que Ela Pisa“) inventou o festival de literatura PEN World Voices: The New York Festival of International Literature, em que acontecem leituras, conversas, debates e palestras, tudo promovido pela organização sem fins lucrativos  P.E.N. (poets, playwrights, essayists, editors e novelists) American Center. Ontem, o […]

Leia mais Sobre menina e escritores

Quem tem olho é doido

Acabei de descobrir (lendo o livro Cultura Livre) um fascinante conto de H. G. Wells, chamado “A Terra dos Cegos“. Em resumo, ele conta a história do alpinista Nunez, que vai parar num vale em que as pessoas são cegas. Ele, que enxerga, decide que irá viver conforme o conhecido ditado e ser rei. Mas […]

Leia mais Quem tem olho é doido

Sobre blogs e tudo mais…

Eu já toquei no assunto ao explicar o que é um “momento diário”. Blogs não são algo menor. Eles têm potencial para serem fabulosos e geniais. Claro, muitas vezes podem ser chatos, bobocas e descartáveis. Mas nisso eles não se diferenciam de nenhum outro meio. Quantos jornais, livros e revistas não são uma porcaria? Antes […]

Leia mais Sobre blogs e tudo mais…

O quê vem a ser um momento diário?

Aqui no blog Hiperfície (não confundir com o conceito), entre outras categorias eu uso a de “momento diário“. Uma hiperamiga, a Eterna Menina Shoyo, foi franca como poucos e assumiu que não entendeu o quê diabos isso quer dizer. Pois bem. Eu identifico um momento diário quando um artigo publicado traz um conteúdo sobre quem […]

Leia mais O quê vem a ser um momento diário?

Epiclese

Originalmente publicado em Rascunho, em 23/01/2006 termo grego (encontrado no prefácio de Eduardo Francisco Alves para Dublinenses de James Joyce, Ediouro S.A., 1992)  que designa a prece em que o Espírito Santo é invocado na celebração eucarística para transubstanciar o pão e o vinho em corpo e sangue de Cristo, útil como analogia para designar qualquer tentativa […]

Leia mais Epiclese

Da dobradura dos sinos

Nenhum homem é uma ilha, inteira de si mesma; cada homem é um pedaço do continente, uma parte do principal; se um torrão é levado embora pelo mar, a Europa é diminuída, como se fosse um promontório, como se fosse a mansão dos teus amigos ou a tua própria; a morte de qualquer homem me […]

Leia mais Da dobradura dos sinos

Em busca da toca do coelho

originalmente publicado em Rascunho, em 18/09/2004 Dona Alice sentia-se tão orgulhosa da filha adolescente, que por nove longos meses carregara; por cujo choro tantas vezes acordara de madrugada; por quem tanto rira ao som das primeiras palavras, do primeiro sorriso, o primeiro “mamãe”; esse lindo ser que outrora habitara um quarto cor de rosa, e que hoje tinha lá […]

Leia mais Em busca da toca do coelho